terça-feira, 22 de junho de 2010

Um mal tão bem


Seu amor não tem igual.
Quem me contou?
Dele eu provei e foi quase fatal.
Acho que dessa vez o amor me apeou!


Raquel de Carvalho

11 contaram o que pensaram:

Fátima disse...

Então aproveita..rs

Disse tudo em poucas palavras.

Beijos linda!

Geraldo de Barros disse...

e quando pega é fatal mesmo, lindo

beijos
G

Joana Masen disse...

Raquel, que prazer conhecer este blog tão lindo! Adorei seus poemas, estou te seguindo. Bjos!

Anna Carolinne disse...

Quequel eu ameiii demais da conta esse versim...mas o que a gente faz quando o amor nos pega mas não pega o outro??????kkkkkkkk
Tava com saudades!!!!

Anna Carolinne disse...

Ebaaaa não sou anônima!!!!kkkkkk

Kelly Soares disse...

Melhor que morrer de amor, é viver de amor!

Lindo, Lindo

Beijos

Luna Sanchez disse...

Acontece...acontece. ;)

Beijo, beijo.

ℓυηα

Juju disse...

Amei o verso!!!
A foto deixou ainda mais viva a mensagem!
Bjos

Raquel de Carvalho disse...

Fátima, deixa comigo!! ehehehe. Beijos

Gê, obrigada, querido! É tão bom vc aqui!

Joana, que bom que gostou, seja muito bem-vinda e volte sempre que quiser! Beijos

Raquel de Carvalho disse...

Aninha, não me faça perguntas dificeis, né! ehehehe

Kelly, lindo tb oq escreveu! beijos

Luna, ô se acontece!!!!

Juju, que bom que gostou!!! Adoroooo! Beijos

Obrigada a todos(as) vcs!

Eraldo Paulino disse...

Se assim realmente for, que assim seja...!


Bjs!